🗻

S02:E01 - Chile e aprendendo espanhol

Foster: Oi Alexia!

Alexia: Oi Foster!

Foster: Tudo bem?

Alexia: Tudo e com você?

💡

Brazilians often omit the "bem" or "bom" when responding to tudo bem. So if someone ask tudo bem? You can simply respond with "tudo!"

Foster: Tudo ótimo! Então Alexia, onde estamos?

Alexia: Estamos em Valparaíso, no Chile.

Foster: Estamos no Chile! O que estamos fazendo no Chile?

💡

Pay attention to the "ch" sound in Chile. Normally the "ch" in Portuguese makes what English speakers would think of as the "sh" sound.

Alexia: Bom, eu tenho amigos que moram aqui…

Foster: Alexia tem amigos…

Alexia: Sim… Eu tenho amigos…

Foster: Surpresa!

Alexia: E uma dessas minhas amigas se casou no sábado e então a gente usou isso como desculpa para vir passar uma pequena temporada no Chile.

Foster: É… Desculpa Kay - amiga da Alexia - não é uma desculpa… Realmente…

Alexia: Juntamos o útil ao agradável!

Foster: Exatamente! Exatamente! Então pode falar de novo? É um casamento, né, que se fala?

💡

casamento - marriage

💡

'Exatamente' is my go-to when I want to express my agreement with someone.

Alexia: Sim!

Foster: E você falou “ela se casou”?

💡

ela se casou - she got married

Alexia: Ela se casou.

Foster: Então o verbo é reflexivo. “Se casou”.

Alexia: Sim!

Foster: Perfeito! Ótimo! Então… É… Agora estamos em Valparaíso, em português se chama Valparaíso?

Alexia: Em português é Valparaíso mesmo e em espanhol é Valparaíso!

Foster: Valpo!

Alexia: Valpo!

💡

Valparaiso is colloquially referred to as Valpo.

Foster: E como é, como é a cidade?

Alexia: Bom, a cidade é grande. Vamos deixar bem claro: aqui é a região de Valparaíso que é composta por cinco distritos se não me engano. Que é a cidade de Valparaíso, a cidade de Viña Del Mar, cidade de Reñaca e a cidade de Concón e tem uma outra que eu esqueci.

💡

vamos deixar bem claro - we are going to make this very clear I hear Alexia say this one to me a lot :)

Foster: Horcón!

Alexia: Concón!

Foster: Si!

Alexia: Mas eu acho que Horcón não é, enfim!

Foster: Enfim! É basicamente como… Pode pensar como… Quase Nova Iorque, né? Tem o Valparaíso é o centro, tem Viña Del Mar que é uma cidade diferente mas é basicamente a mesma cidade.

💡

basicamente - basically

💡

"Enfim" essentially means "anyways" and is a great filler word when you are trying to continue a conversation.

Alexia: E nesse momento a gente tá na Região de Valparaíso mas, na cidade de Valparaíso mesmo.

💡

"Mesmo" has a lot of different meanings in Portuguese. In  this case, Alexia is just using it to reinforce the idea that we  are really in the city proper, rather than the suburbs.

Foster: Sim. E a coisa que é muito legal, que é muito legal para mim é que Valparaíso tem muitos cerros.

Alexia: Sim!

Foster: Pode explicar para mim o que que é um cerro?

Alexia: Cerro é tipo uma pequena montanha.

💡

montanha - mountain

💡

Listen closely to the guttural sound that Alexia makes with  the double r. This varies a little from region to region, but  the important thing is it is always more similar to an /h/  sound. No rolling R's in Brazil! Listen closely to the guttural  sound that Alexia makes with the double r. This varies a  little from region to region, but the important thing is it is  always more similar to an /h/ sound. No rolling R's in  Brazil!

Foster: A hill!

Alexia: É! Hill! E… A gente fez um tour na semana passada que explicou um pouquinho como a cidade se montou né, então, não teve nenhum tipo de plano arquitetônico, não foi uma cidade que foi pensada: “ali serão os prédios maiores, aqui serão as casas pequenas ou não pode construir um prédio de mais de cinco andares”. Não. Aqui é uma confusão generalizada em relação à isso. E quando você chega na cidade, a parte plana ou seja que fica na beira do mar, é onde fica o centro comercial. Então é onde tem todos os bancos, agências, tudo o que você quiser encontrar existe aqui e para cima são as casas.

💡

Brazilians commonly use "a gente" to refer to us, rather than using "nós" or the first person plural form. This is a great time-saver when learning conjugations!

Foster: É o downtown, né?

Alexia: Isso!

Foster: Se vocês já conhecem o Rio é basicamente “o” Lapa, né? É o Centro do Rio de Janeiro.

Alexia: É como se a Lapa, o Centro e Santa Teresa fossem um único só. É aqui é dividido em cerros. Então tem o Cerro Concepción, Cerro Alegre… E mais uns outros, eu acho que são vinte, vinte e poucos no total.

💡

Lapa and Santa Teresa, are both neighborhoods in downtown Rio. If you've been to Rio, you know what I'm talking about. If not, give them a google!

Foster: Eu acho que são quarenta e poucos.

Alexia: Quarenta?!

Foster: Sim, está cheio de cerros aqui, gente!

💡

'Gente' is always used to express surprise or amazement. Almost like, wow or whoa in English.

Alexia: E a gente tá no Cerro Alegre! No meio do Cerro Alegre!

Foster: Sim. Que é um cerro bem boêmio.

💡

As you can guess, "boêmio" just means bohemian. If you're going to Rio or almost anywhere in Brazil, this is a good word to know.

Alexia: Bem boêmio, bem turístico mas ao mesmo tempo é bem legal.

Foster: Vamos! Valparaíso é uma cidade boêmia!

Alexia: É!

💡

Here Alexia is simply using é (from the verb ser), to say that she agrees and understands. When in doubt, you can always through an "é" into the conversation and it usually keeps things flowing nicely.

Foster: Que quer dizer que está cheio de artistas, é um pouco hippie…

💡

Quer dizer literally translates to "wants to say" but Brazilians use it more like "it means." So if you don't understand a word you can say, "O que quer dizer essa palavra?"

Alexia: Pequenos ateliês…

Foster: É, tem muita música, muita cultura…

Alexia: Muita música, muito restaurante… É uma coisa… É muito legal! E, bom! Se você não é uma pessoa que goste de andar, nem pense em vir para cá.

💡

nem pense - don't even think

Foster: É, os americanos podem pensar em São Francisco.

Alexia: É, sim! Verdade! São Francisco!

Foster: Pensei nisso agora!

💡

I just thought of that right now!

Alexia: Verdade…

Foster: Seu namorado é um gênio!

💡

namorado - boyfriend

Alexia: Muito bem! Well done!

Foster: Bom, Alexia, Valparaiso super legal! Chile ainda não conhecemos…

Alexia: Deixa eu só contar uma coisa a mais! Fica na beira no mar! Tem uma vista maravilhosa do mar!

Foster: É uma cidade “literal”.

Alexia: Litoral! Literal é ao pé da letra.

Foster: Litoral. Sim, que seria um coastal city. City on the coast, right?

💡

Typical Foster mistake. "Literal" has the same meaning in English but "litoral" means the coast.

Alexia: Sim!

Foster: Então, Valpo - super legal! Vocês devem visitar! Ainda estamos conhecendo o Chile. Vamos falar mais sobre isso em outro episódio.

Alexia: É aqui fica a uma hora e meia de Santiago de ônibus.

💡

The verb "ficar" can refer to just about anything, but in this case, Alexia is using it to show how long it takes to get from Valpo to Santiago.

Foster: Sim. Mas Alexia eu queria falar sobre a sua experiência aprendendo espanhol e também um pouco sobre a minha experiência também porque eu já “falei”…?

Alexia: Você já fala espanhol há um tempo.

Foster: Bom, eu aprendi espanhol na Espanha, eu já falava bastante bem. Eu falei bastante bem?

Alexia: Falava!

Foster: O espanhol chileno tem muita gíria.

💡

gíria - slang

Alexia: É!

Foster: A conjugação dos verbos é bem diferente.

Alexia: Por exemplo eles falam muito “cachai”. E “cachai” vem do verbo “to catch” em inglês. É tipo: “você entendeu?” tarara tarara cachai? Tarara tarara cachai? E até você entender que isso é uma coisa deles…

💡

tarara tarara: Alexia says this a lot when she is just trying to say etc, etc.

Foster: É! “Cachai” seria “entendeu”. E você chegou aqui faz uma semana mais ou menos…

Alexia: Uma semana!

Foster: Como você está indo? Como está o seu progresso?

Alexia: No primeiro dia era um horror, eu tava realmente só falando português.

💡

Really Alexia is saying "eu estava," but it is super common for Brazilians to take off the "es" at the beginning of the verb.

Foster: É para mim também, eu estava sofrendo muito.

💡

Brazilians use the verb "sofrer" a lot, which literally means to suffer. But they use it more in the sense of struggle. In this example, I was really struggling with my Spanish.

Alexia: É, eu acho que você estava sofrendo mais do que eu porque como você já sabe falar espanhol, você ficou muito depressivo.

Foster: Nossa Senhora! Eu fiquei com tanta raiva de mim.

💡

raiva - anger

Alexia: E, e eu escutei um podcast antes de vir para cá que se chama Notes In Spanish que foi até indicação do Foster, que foi como ele aprendeu espanhol também. É maravilhoso!

Foster: Recomendo super se você está aprendendo espanhol - Notes In Spanish!

💡

Just a quick shout out two Notes in Spanish, an amazing Spanish learning podcasts and the inspiration for Carioca Connection. If you want to learn more about them, check out our first episode from season 1.

Alexia: É muito bom! Mas enfim, primeiro dia era só português. No segundo dia já comecei a entender como se chega para uma pessoa e fala: “Oi bom dia!”; “Como é que você está?”; “Eu gostaria disso.”; “A conta por favor!” e “Tchau!”. Então essas seis expressões eu aprendi e já consigo me virar muito bem.

💡

consigo me virar - I can get by. For example if someone asks if you speak Portuguese, you can say "me viro."

E uma coisa que tem acontecido comigo é que eu tô entendendo muito melhor. Eu abri os meus ouvidos. Né, como a gente fala.

💡

eu abri - I opened

💡

Again, we see here Alexia changing "estou" to "tô," which is quite common for Brazilians.

Foster: Exatamente! Então o negócio está rolando, né?

💡

Two things here: 1) O negócio can refer directly to business or it can just mean "thing." For example, a common phrase is "O negócio é o seguinte - Here's the thing." 2) The verb rolar is an informal way to say something is happening.

Alexia: Tá rolando!

💡

tá rolando - it's happening

Eu infelizmente não consigo me expressar da forma que eu gostaria de me expressar como eu tenho essa facilidade em inglês mas eu chego lá!

💡

infelizmente - unfortunately

Foster: É! Então uma coisa que eu tenho percebido muito e eu queria falar com você sobre o assunto, é a importância da personalidade, da identidade cultural quando você está aprendendo um novo idioma, né?

💡

eu tenho percebido - I have been noticing. This is the present perfect tense but is not commonly used in Brazilian Portuguese.

Porque, por exemplo, quando eu estou falando português, eu ensino português, ensino inglês para brasileiros, tenho uma vida, eu tenho uma personalidade em português. Eu tenho a minha vida com você, os nossos amigos, então faz parte de minha vida. É a mesma coisa com o inglês mas, eu perdi um pouco disso com o espanhol. Porque não vivo com o espanhol no dia a dia. E, também, eu percebi que você está sofrendo um pouquinho com isso, né?

💡

faz parte - it's part of it, it comes with the territory

💡

'Pouquinho' is the diminutive of pouco. Brazilians love to use diminutives whenever they get the chance. You will see them pop up consistently throughout our conversations.

Alexia: Sim! Eu fico mais tímida, mais calada…

Foster: Sim! E você ainda não desenvolveu a sua alma espanhola!

Alexia: Não!

Foster: Né?

Alexia: Alma latina eu já tenho só falta a alma chilena, no caso!

💡

no caso - in this case

Foster: Então a minha recomendação seria se pode tentar realmente separar essas línguas na sua mente, no seu coração e na sua personalidade, né? Porque o jeito que eu falo inglês, as coisas que eu falo quando estou falando em inglês, é totalmente diferente do que quando estou falando em português e também em espanhol.

Alexia: Sim!

Foster: Então, você precisa fazer parte da cultura, e realmente ser um amante da cultura, né?

💡

um amante da cultura - you need to fall in love with the culture

Alexia: Sim! Mas é isso que eu penso, na verdade. Também a gente só tá aqui há uma semana e foi um belo desenvolvimento para uma semana, e acho que a gente tá deixando aos pouquinhos de ser turista e se tornar verdadeiros viajantes aqui no Chile.

💡

aos pouquinhos - step by step You can also say 'passo a passo.'

Foster: Só isso?

💡

só isso? - that's it?

Alexia: Só!

💡

Yep! Alexia could have said, "sim, só isso!" But the rest is already implied from my statement.

Foster: Até já! Tchau Tchau!